Quais as etapas de um processo de Recrutamento e Seleção?

//Quais as etapas de um processo de Recrutamento e Seleção?

Quais as etapas de um processo de Recrutamento e Seleção?

Apesar de ser uma área relativamente nova, tendo surgido no início do século XX, o Recrutamento e Seleção tem assumido um papel estratégico no mundo corporativo a partir do entendimento de que as pessoas são um dos principais componentes estratégicos para o sucesso das organizações.

Algumas notícias veiculadas na imprensa dando conta, por exemplo, de disputas entre grandes players do setor de tecnologia, como Google, Apple e Facebook contra a abordagem de seus colaboradores por parte de concorrentes evidenciam como o capital humano passou a ocupar posição de destaque para o alcance dos objetivos estratégicos de uma empresa.

Neste post, reservamos para você alguns pontos chave sobre o que é, as etapas, dicas, ferramentas e soluções que podem apoiar na realização do seu processo de Recrutamento e Seleção.

Porque adotar um processo de Recrutamento e Seleção

Antes um serviço demandado apenas por grandes empresas, o Recrutamento e Seleção hoje tem sido cada vez mais adotado por pequenas e médias empresas.

Em uma era em que a busca pelo diferencial e alcance da satisfação do cliente se tornou fator chave para as empresas, sinais de baixa qualidade na postura e resultados de profissionais contratados sem os devidos critérios passaram a expor as organizações a insatisfações e reclamações por parte de seus clientes.

Pequenas e médias empresas acabam, muitas vezes, por contratar profissionais sem a expertise, habilidade e perfil necessários para ocupar determinada posição em seu quadro. Este fato é muitas vezes motivado justamente pela falta de um processo de Recrutamento e Seleção estruturado, que foque em entregar o profissional certo para a posição certa. Fatores como a admissão por meio de indicações, que levam à contratação de amigos e familiares sem o perfil para a vaga, por exemplo, têm tirado sono de gestores com quem já pude conversar a respeito.

Ao admitir profissionais nestas condições, o gestor pode enfrentar dificuldades ao perceber que o colaborador não está alcançando os resultados para a posição em que o mesmo foi contratado, correndo o risco de comprometer o alcance dos resultados da área, bem como prejudicar uma relação de anos, por exemplo, caso o funcionário em questão não saiba separar o lado pessoal do profissional.

A contratação de uma solução de Recrutamento e Seleção permite que a empresa conte com uma análise criteriosa dos candidatos interessados em suas vagas, sem que tenha seu nome exposto no mercado, ao passo em que seu time continua focado nos negócios, ao invés de ter o tempo comprometido com o atendimento e seleção de profissionais para as oportunidades em aberto.

Vantagens de um processo de Recrutamento e Seleção

Ao adotar critérios para a contratação de profissionais, as empresas passam a contar com vantagens expressivas, que potencializam a qualidade dos talentos admitidos, como por exemplo:

Privacidade

Um processo de Recrutamento e Seleção profissional não expõe o nome da empresa, sendo útil ao não comprometer seus líderes e gestores a assédios de amigos ou familiares para contratação de pessoas sem o perfil ideal.

Melhor Aproveitamento do Tempo

Poder focar a energia e atenção no negócio, ao invés de atender telefonemas ou chamados com dúvidas sobre as vagas em aberto é um ganho e tanto. Este fica ainda mais otimizado ao designar ao recrutador a condução de outras etapas, como triagem de currículos, seleção e análise de candidatos.

Redução do Turnover e de Custos de Contratação

Clientes não apreciam a sensação de serem atendidos em um dia por um profissional de determinada área e, alguns meses depois, encontrar outra pessoa responsável pelo seu atendimento. Um processo de Recrutamento e Seleção pode mitigar esta sensação, além de reduzir expressivamente os custos de admissão e demissão recorrentes, quando a empresa não contrata profissionais com o devido perfil para o cargo. Em um artigo que publicamos no portal Terra damos mais detalhes sobre como os custos de contratação também podem ser reduzidos.

Mais Talentos na Empresa

Há uma diferença entre pessoas que buscam emprego, pela necessidade básica de obter uma remuneração mensal, e pessoas que são apaixonadas pelo que fazem. Após a aplicação dos candidatos, uma análise curricular, seleção devida e uma entrevista profunda são algumas etapas que permitem conhecer e identificar verdadeiros talentos para uma posição de atendimento ao cliente, por exemplo.

Etapas de um Processo de Recrutamento e Seleção

A correta realização de um processo de R&S perpassa pela adoção de etapas chave. A primeira delas, ao contrário do que muitas pessoas imaginam, não é a prospecção de candidatos, mas o…

Desenho de Cargos

Sim. Sem contar com um desenho de cargos claro e objetivo, sua empresa poderá ter sérias dificuldades em todo o processo de Recrutamento e Seleção. Ele nada mais é do que um documento que concentra informações valiosas sobre a atividade a ser desenvolvida, como perfil do profissional, requisitos mínimos para contratação (como formação acadêmica e tempo de experiência na área), principais atribuições do cargo, horário de trabalho, responsabilidades, remuneração e benefícios, superior direto, departamento e outras informações importantes que serão subsídio para a etapa seguinte.

Prospecção de Candidatos

Aqui é o momento em que as informações do desenho do cargo são condensadas e divulgadas no mercado para atrair os candidatos ideais para a vaga. É interessante realizar uma divulgação atraente, que chame a atenção de possíveis talentos e torne claro os requisitos e perfil de trabalho.

É possível divulgar a vaga em universidades, grupos em redes sociais, conselhos de classe, veículos como rádio e TV (alguns programas possuem quadros de divulgação de oportunidades de trabalho), além de sites especializados.

Triagem de Currículos

É evidente que nem todos os currículos que são encaminhados possuem o perfil para a vaga. A quantidade de profissionais em busca de uma oportunidade no mercado acaba fazendo com que muitos se apliquem a vagas que não possuem qualquer conexão com suas habilidades e experiências de trabalho. A triagem é importante uma vez que em seleções para apenas uma vaga podem ser submetidos centenas de currículos, o que exigirá tempo e boa dose de análise.

A triagem de currículos precisa ser precisa, cruzando as necessidades apontadas no perfil do cargo com as competências do profissional. Observar as experiências profissionais pelas quais o candidato passou, quanto tempo esteve em cada uma delas, quais ganhos e conquistas gerou para as empresas em questão, além de cursos e vivências complementares apontadas pelo mesmo podem qualificá-lo para seguir para as etapas seguintes do processo de Recrutamento e Seleção.

Entrevista Prévia

Feita a triagem dos currículos, é chegada a hora de contactar previamente os candidatos que melhor se aproximam do perfil do cargo aberto na empresa. Nesta etapa um contato por telefone ou Skype é indicado para checar com os profissionais em questão como estão suas posições no mercado de trabalho, quais suas expectativas de carreira, experiências profissionais, bem como qual a expetativa salarial e o que o motivou a se aplicar para a vaga.

Tais perguntas irão credenciar os profissionais que estiverem abertos e dispostos a avançar no processo e que possuam uma melhor adequação de experiências em relação aos demais inscritos.

Seleção de Profissionais

Após filtrar entre os currículos aqueles profissionais que melhor estejam engajados para a continuidade no processo, a seleção pode ocorrer através da realização de dinâmicas e testes específicos, que permitam conhecer o perfil de trabalho, habilidades e competências do candidato.

Dependendo do perfil da vaga que estiver em pauta, pode-se realizar adequações nos testes e dinâmicas, aproveitando para criar um ambiente em que os candidatos possam demonstrar com o máximo de fidelidade possível como suas habilidades seriam aplicadas no dia a dia da empresa. Caso a seleção seja para a área de vendas, uma dinâmica que avalie a capacidade de criatividade, adaptação e negociação do candidato é altamente recomendada. Alguns sites na internet oferecem guias com dinâmicas variadas e adequadas às mais diversas necessidades, como o Formador e o Exoterika.

Além das dinâmicas, é importante analisar traços comportamentais dos candidatos, como pontualidade, expressão verbal, apresentação e comprometimento. Alguns recursos mais avançados, como ferramentas de assesment, permitem conhecer profundamente as motivações e atitudes de um profissional. O DISC, teste comportamental mundialmente reconhecido, é um exemplo de ferramenta que pode aumentar exponencialmente a percepção do perfil de um candidato, como também a avaliação de um talento já alocado na empresa.

Entrevista com Finalistas

Após a conclusão da seleção, é ideal entrevistar os três melhores candidatos, ou seja, aqueles que conseguirem boa pontuação nas avaliações e maior proximidade com o desenho de cargo da empresa.

Ao contrário do que alguns gestores realizam nesta etapa, criando um ambiente de tensão e nervosismo para os candidatos, é ideal que a entrevista final com o entrevistador da área contratante seja aberta e energizante. Isto tem um motivo claro. Ao promover um momento aberto e receptivo ao entendimento das habilidades do candidato, o entrevistador consegue que o profissional esteja à vontade para falar de si próprio, tratando com mais leveza sobre seus anseios, erros, talentos e habilidades.

Como a entrevista cria um momento em que o candidato se sente avaliado e pressionado a atender padrões e expectativas, é comum que o mesmo fique nervoso e apresente sinais como transpiração excessiva, olhar apreensivo e tremor nas mãos e pernas. Uma estratégia para driblar este momento, pode ser a realização das entrevistas com um tom mais informal, como em um café, por exemplo. Isto permite que se consiga extrair com mais eficiência as informações que de deseja do profissional.

Contratação e Integração do Contratado

Ao identificar o talento ideal para a vaga, chega a hora de contratá-lo para a posição em questão. Neste instante, após informar a ele sobre sua aprovação, é altamente recomendado realizar um instante de integração na empresa logo no seu primeiro dia de trabalho.

A integração permite que o novo contratado conheça mais da empresa que ele fará parte, seus setores, produtos e seus novos colegas, além de gerar um sentimento de respeito e acolhimento. Acredite, mas não são incomuns as situações em que empresas contratam os profissionais e os deixam perdidos, sem qualquer acolhimento logo no primeiro dia de trabalho.

Feedback com Participantes Reprovados

Também é importante adotar uma postura de cordialidade e respeito com os candidatos que não forem aprovados no processo de Recrutamento e Seleção.

Aqui vale uma ligação educada, agradecendo por ter participado do processo e indicando que o mesmo não foi selecionado pelo fato de um outro candidato ter se aproximado mais do perfil do cargo em questão. Também é bacana informar que ele(a) possui um bom perfil (uma vez que ficou entre os(as) finalistas) e realizar um feedback rápido sobre pontos de melhoria que foram observados em sua participação para que possa se preparar melhor para a próxima seleção.

Tornando o Recrutamento e Seleção um Aliado

Gostou de saber mais sobre como acontece um processo de Recrutamento e Seleção? Saiba que ele é o grande responsável por contratações de sucesso em organizações de todo o mundo.

Adotar esta metodologia em sua empresa pode trazer benefícios inimagináveis de mais qualidade e eficiência operacional, além de contribuir para a criação de uma equipe e ambiente de trabalho fenomenais.

A Leão Brasileiro é especialista em processos de Recrutamento e Seleção, identificando talentos para clientes de diversos portes e segmentos. Caso queira contar com nossa solução, fale conosco.

By | 2017-08-17T12:03:00+00:00 Maio 28th, 2017|Categories: Recrutamento e Seleção|0 Comments

About the Author:

Palestrante, Coach pela Sociedade Latino Americana de Coaching, analista comportamental e analista de competências pela HR TOOLS, Administrador, especialista em Comunicação e Marketing empresarial, Empreteco, consultor e instrutor do SEBRAE. Atua estimulando o empreendedorismo e com o desenvolvimento de pessoas e empresas por meio de treinamentos e processos de Coaching.

Leave A Comment